Arquivos da categoria: Críticas

Apresento minha crítica do terceiro capítulo dessa franquia de horror sobrenatural, e posso dizer que paguei com a língua!

Hoje vamos falar de um assunto quase apagado da história cinematográfica brasileira; uns acham que manchou o cinema nacional, outras tiveram suas carreiras destruídas e polemizadas, não por conta dos filmes, mas sim, pela censura. Tirem os conservadores da sala… Vamos falar sobre: A pornochanchada.

O motivo que torna Nomadland um filme excepcional vai além dos critérios exclusivos da Academia na premiação do Oscar, vá por mim!

Entre os indicados ao Oscar por Melhor Roteiro Adaptado, O Tigre Branco pode passar despercebido, mas é uma obra que merece muito ser vista e discutida sobre vários pontos de vista.

Na cultura pop, muito se diz sobre posicionamentos políticos, e isso não é simplesmente uma questão de “Esquerda” ou “Direita”, mas sim entender as operações de poder e debater sobre a forma como isso nos afeta em diversas esferas, incluindo na indústria do entretenimento.

O reboot de uma franquia muito querida dos anos 2000 já está entre nós, e embora não tenha nada de novo nesses filmes, eles têm seu charme. Infelizmente, esse não é o caso do novo Pânico na floresta.

Produção cinematográfica lançada oficialmente em 2019, o nordestino Bacurau repercutiu em festivais internacionais e agora está elegível para o Oscar 2021! Nesse texto, pretendo defender meu ponto de vista justificando o quão necessário é o filme de Kléber Mendonça Filho e Juliano Dornelles.

Os heróis em quadrinhos negros! Hoje preenchem um curto espaço nas adaptações para telinhas e telonas das grandes empresas como Disney, Marvel e DC Comics… Mas como chegaram até ali? Afinal, como surgem os heróis negros que hoje tanto conhecemos e amamos?

Hey pessoas! Hoje vamos falar de um assunto importante, hoje vamos falar sobre SOUL! Afinal, ao representar personagens negros em seu filme, Soul trouxe REPRESENTATIVIDADE? Vamos discutir isso!

Com as eleições do dia 15, é preciso pensar que o voto não é a apenas e exclusivamente um voto mas, sim tudo o que votar representa – principalmente sobre as classes bases desta pirâmide que é o capitalismo. O Nerdspeaking está sempre atrelado a resistência e este texto não seria diferente, é preciso pensar sobre o voto Severino.

10/29