Arquivos da categoria: Reviews

Jojo Rabbit é um dos nove filmes indicados ao Oscar 2020,cerimônia que o ocorre dia 9 de fevereiro.Dirigido,escrito e também protagonizado por Taika Waititi,estrelado por nomes já conhecidos como Scarlett Johansson. E o que ele teria de especial para levar a estatueta e tirar o favoritismo de 1917?

Analisando a lista de indicados ao Oscar de melhor filme,​em​ ​sua maioria são elencos masculinos​,ou um personagem principal homem. Adoráveis Mulheres é o ​único ​filme de elenco principal feminino, no meio de 1917,ou da utopia que é Era uma vez… em Hollywood, ​com​ ​quebras de tabus e discursos feministas. Assim, ​o Oscar precisava de uma indicação que dialoga com a atualidade​.

81 anos depois do filme O mágico de Oz, de 1939, Judy Garland mesmo em 2020 continua em pauta. O filme Judy: Muito além do arco-íris, que foi inspirado num musical, também traz flashes do que haveria sido a infância de Judy no set de filmagens de Wizard of Oz, deixando o espectador com uma pergunta: Será que o filme de 1939 era tão mágico assim?!

   Quando 80% da população brasileira é considerada baixa renda, (segundo dados do IBGE), não torna-se difícil imaginar a realidade da família Ki-taek, ponto principal do filme que vem ultrapassando países e deixando sua marca em grandes festivais,como o Globo de Ouro de 2020. Se você faz parte desses 80% da população com mais de 3 pessoas numa casa, para se sustentar e tentar sobreviver dia após dia, Parasita provavelmente foi feito para você,porque sim Gabi, só quem vive infelizmente sabe.

   O aguardado desfecho da nova trilogia de Star Wars chega aos cinemas, e podemos conferir que rumo tomou essa nova história desenvolvida após a compra da Lucas Film pela Walt Disney, evento de 2012. Depois de dois ótimos filmes lançados respectivamente em 2015 e 2017, temos aqui The Rise of Skywalker, que seria considerado “o Grand finale” dessa nova leva de filmes, mesmo sendo na verdade um filme extremamente previsível.

   Fala, meu povo! Esse filme eu tenho certeza que muitos de vocês conhecem, mas nem todos já o assistiram. O que ninguém imaginava, lá em 2013, era que esse filme de terror sobrenatural fosse gerar uma espécie de universo compartilhado de histórias, algo que tem sido extremamente lucrativo. Chegou a hora de indicar para vocês o  clássico moderno: INVOCAÇÃO DO MAL.
16/16